RSS

Sonny Rollins Quartet & John Coltrane – Tenor Madness (1956)

02 mar

Para encerrar essa série de postagens de álbuns gravados para a Prestige em 1956, escolhemos “Tenor Madness” com o quarteto de Sonny Rollins e a participação de John Coltrane na faixa título. Bob Weinstock reuniu o trio base do então célebre quinteto de Miles Davis – Red Garland, Paul Chambers e Philly Joe Jones – para dar suporte a uma das sensações do sax tenor na década de 50, Sonny Rollins. Coltrane participa como convidado na faixa título, um original de Rollins feito especialmente para a ocasião. Rollins ainda comparece com mais um tema, “Paul’s pal” dedicado ao contrabaixista Paul Chambers. Dois standards: “When Your Lover Has Gone” e “The Most Beautiful Girl In The World “, e uma releitura do clássico de Debussy “My Reverie” completam esse histórico álbum. “Tenor Madness” foi um marco na discografia do jazz, alimentando as discussões, na época, sobre quem era o mais influente sax tenor do jazz de então, Sonny Rollins ou John Coltrane. Você decide!
Sonny Rollins (ts) John Coltrane (ts, faixa 1) Red Garland (p) Paul Chambers (b) Philly Joe Jones (d)
Rudy Van Gelder Studio, Hackensack, NJ, May 24, 1956
1. Tenor Madness (Sonny Rollins)
2. When Your Lover Has Gone (Einar A. Swan)
3. Paul’s Pal (Sonny Rollins)
4. My Reverie (Larry Clinton/Claude Debussy)
5. The Most Beautiful Girl In The World (Richard Rodgers/Lorenz Hart)
 

6 Respostas para “Sonny Rollins Quartet & John Coltrane – Tenor Madness (1956)

  1. Anonymous

    2 de março de 2009 at 6:56 PM

     
  2. Benjamin de mello

    13 de dezembro de 2009 at 4:11 PM

    Grande Mauro, além de amante de jazz, Le Grand chef…rsssUm abração meu velho, depois da uma sacada nesse link. Ele ta dando erro.Muito obrigado pela força e pelo rango, em nome do trio.Inté terça, Benjamin Bentes

     
  3. HotBeatJazz

    13 de dezembro de 2009 at 4:28 PM

    Grande B.J.irei fazer um upload pro divshare jajá…o media tem esse lance de deletar arquivos que ficam sem download por mais de 30 dias, por conta desta burrocracia deixei de utiliza-lo.Estaremos lá, sem falta, obrigado a vcs pelos sons e pela presença no bloguinho.Valeu

     
  4. Anonymous

    13 de dezembro de 2009 at 9:52 PM

     
  5. Benjamin de mello

    13 de dezembro de 2009 at 11:34 PM

    Valeeeeeeeeeeeeeuuuu!!!!Ja foi, putz o cara é rápido.Tem uma coisa q esqueci de falar: Estava eu olhando os nomes dos musicos q estão no blog, qdo vi o nome do meu querido e saudoso amigo, q foi praticamente meu pai na música o Enio Santos…cara q saudade dele irmão!!!Ta no vídeo do Barrosinho q tb deixou muitas saudades…dois irmãos da paz total.Obrigado pelas lembranças meu "vékio, vékio" como diria o Enio…Abço mais uma vez B.J.

     
  6. HotBeatJazz

    14 de dezembro de 2009 at 12:28 AM

    B.J.desculpe este meu hd quase cinquentão, qdo vc falou de Enio eu nem me lembrei que ele e o Barroso eram chapas. É isso aí irmão o mundo é pequeno mas não nos encontramos a toa não. Nossa amizade é uma forma de dar prosseguimento a amizade dos nossos pais musicais.Até terçaValeu!!!!!!

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: