RSS

Toshiko Akiyoshi Quintet – Toshiko At Top Of The Gate (1968)

03 nov

Em 12 de dezembro próximo, a pianista, compositora, arranjadora e band leader, Toshiko Akiyoshi completará 80 anos de idade e 73 de vida dedicada à música. Toshiko nasceu em Liaoyang, Manchúria, na China ocupada pelos japoneses. Após a segunda guerra mudou-se para Beppu, Japão, cidade de origem de seus pais, e lá começou sua atividade profissional aos 16. Em 1952 o pianista Oscar Peterson em turnê pelo Japão a ouviu e ficou impressionado com o talento da jovem e convenceu o produtor Norman Granz a grava-la em seu selo, o que aconteceu em 53. Em 55 Toshiko escreveu uma carta ao proprietário da Berkelee School of Music solicitando uma chance para estudar, foi atendida com uma bolsa de estudos completa assim como recebeu pelo correio a passagem aérea. Em janeiro de 1956 Toshiko Akyoshi tornava-se a primeira japonesa a estudar na prestigiada escola. Casou-se com o saxofonista Charlie Mariano em 59 e tocaram juntos em diversas ocasiões até o divórcio, em 67. Em 69 casa com, o também saxofonista, Lew Tabackin, com quem fundaria e manteria uma Big Band por 30 anos. Nesta orquestra Toshiko desenvolveria seu lado de compositora e arranjadora e seria premiada diversas vezes pela altíssima qualidade de seu trabalho. “Toshiko At Top Of The Gate” é a gravação de uma apresentação de seu quinteto durante o período de namoro com Tabackin e tem em seus integrantes músicos de primeira qualidade como o trompetista Kenny Dorham, o contrabaixista Ron Carter, o baterista Mickey Roker e Lew Tabackin. O repertório traz cinco originais de Toshiko, duas composições brasileiras – “Insensatez”, de Jobim e “Manhã de Carnaval”, de Luis Bonfá; o standard “Willow Weep for Me” e um tema de musical da Broadway, “The Night Song”. A atmosfera na maioria dos originais da pianista é de puro hardbop, com o toque do trompete de Dorham nos trazendo uma sonoridade dos Jazz Messengers e Lew Tabackin mostrando o fraseado muito bem articulado que lhe é característico. “Toshiko At Top Of The Gate” é um momento de grande música desta jovem senhora que ainda está em atividade e em grande forma. Vida longa à grande Toshiko Akiyoshi!
Toshiko Akiyoshi – piano; Kenny Dorham – trumpet; Lew Tabackin – tenor saxophone, flute; Ron Carter – bass; Mickey Roker – drums
Recorded 30 July 1968
1- Introduction
2- Opus No. Zero
3- The First Night
4- Phrygian Waterfall
5- Let’s Roll in Sake
6- How Insensitive
7- Morning of the Carnival
8- The Night Song
9- Willow Weep for Me
10- My Elegy

 

 

7 Respostas para “Toshiko Akiyoshi Quintet – Toshiko At Top Of The Gate (1968)

  1. Anonymous

    3 de novembro de 2009 at 12:17 PM

     
  2. Érico Cordeiro

    4 de novembro de 2009 at 2:17 AM

    Caro Mauro,
    Aqui estou, a retribuir a sua visita. Virei sempre a esta casa, onde o jazz e a música de qualidade estão muito bem representados.
    Muito legal conhecer outros apaixonados pelo jazz aqui na blogsfera.
    Mantenhamos contato, ok?
    Um fraterno abraço!!!

     
  3. HotBeatJazz

    4 de novembro de 2009 at 11:32 AM

    Seja muito bem vindo Érico, é um prazer te-lo entre os amigos HBJ.
    O Jazz + Bossa já está na lista de blogs recomendados, completando assim, uma mútua admiração e parceria.

    Salute!

     
  4. Sergio

    4 de novembro de 2009 at 12:57 PM

    Bom, sr. Mauro, embora tenha dito q meu tempo anda tenso de atribulado (Lá no J+B+BA), um presente desses, ou melhor, daqueles, como foi o James Williams Sextet (Progress Report) 1985 o qual degusto agora now, não é de se passar batido. Principalmente da maneira inesperada como veio. Então sou-lhe muito grato, e por favor, de quando em vez, d uns pulinhos um instantinho no Bar Sônico. Lá é um instantinho mesmo pq não tenho nem competência, estudo ou mesmo paciência para escrever sobre assunto tão complexo, o jazz e seus artífeces. Minha experiência com o gênero é assaz temporã. Comecei a me viciar há pouco mais de 3 anos! Já burro velho. Então tive que (re)ler meus próprios comentários para me (re)lembrar de James Williams. É q coleciono em mp3 tudo de bom q surge (surge pra mim) do jazz. E aos 50tão é muito difícil lembrar mesmo dos mais célebres ou obscuros q vou conhecendo e, na urgência da infinita fila q anda, acabo esquecendo.

    Trocando em miúdos, é omo se eu tivesse ganhado uma bolada acumulada na sena e tivesse comprado a Modern Sound pro meu bel prazer, entendeu a imagem? (Modern Sound, aqui do Rio, é considerada a 7ª melhor ou maior loja de discos do planeta segundo a crítica especializada). Então já viu né? É muita coisa. Mas esse álbum, continuo ouvindo enquanto escrevo, é 10!!!, nota jazz!

    Em tempo: não sei se foi recentemente ao Sônico, mas tem lá uma descoberta q me orgulho de ter feito. O nome do homem é Benny Bailey e é seguramente o maior achado do meu ano. Prove e comprove – isto claro, se não conhece.

    Abraços e muito obrigado! Discaço o seu presente. Agora ouvindo “Renaissance Lovers” do Progress Report. Seu Mauro san, dis-caço!

    Um forte abraço!

     
  5. Sergio

    4 de novembro de 2009 at 1:21 PM

    Acabada a audição, tentei segui-lo mas não vi onde clicar. Se estiver com tempo de entrar como seguidor do sônico ficará mais fácil te acompanhar. E mas tempo para (nos meus comentários) me explicar como faço para segui-lo, aí ficará tudo perfeitin.

    + uma vz, Valeu!

     
  6. HotBeatJazz

    4 de novembro de 2009 at 2:11 PM

    Seu Sérgio, seja muito bem vindo, respondi-lhe num extenso emeio a esta tua tão agradável visita e comentário. Como vc foi o primeiro a arguir sobre o link para seguir o blog, estarei colocando o link para isto jajá.
    Muito obrigado e volte sempre!

     
  7. Sergio

    5 de novembro de 2009 at 10:44 AM

    Grande Mauro, recebi e li teu emeio. Identificação total. Eldopop, Rio de Janeiro esse nosso bom e velho vício em música. É isso aí, meu irmão. Agora chego aqui para colher as novidades e comentar, num clik. E nem se importe em responder se não houver tempo. Abraços!

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: