RSS

Arquivo da categoria: Nick Travis

HotBeatJazz 10′ Series – Bill Holman – Kenton Presents Jazz 10’LP H6500 (1954)

O saxofonista, compositor e arranjador Bill Holman é um dos mais conceituados e celebrados expoentes do west-coast jazz. Nascido em 21 de maio de 1927, Holman foi contratado como saxofonista por Stan Kenton em 1951, e rápidamente seus talentos de compositor e arranjador foram percebidos pelo maestro. Sua habilidade e capacidade de produzir arranjos recheados de dissonâncias e contrapontos o conduziram ao cargo de principal arranjador da orquestra durante a década de 50. Seu trabalho neste campo atinge o ápice no álbum Contemporary Concepts. Continuou a escrever para a orquestra durante os anos 60 e 70, embora também cuidasse de seu próprio combo. Holman também contribuiu para os books das orquestras de Woody Herman, Doc Severinsen, Buddy Rich, Terry Gibbs, Count Basie, e a Gerry Mulligan’s Concert Jazz Band.

 

Seu primeiro álbum como líder foi produzido dentro da série Kenton Presents Jazz, da gravadora Capitol em 1954. Dois octetos interpretaram as composições e arranjos de Hollman, que também atuou como saxofonista tenor, em três sessões de gravação, acontecidas entre 4 de maio e 2 de agôsto daquele ano. Um música leve, alegre, com arranjos muito bem concebidos, dava a exatada dimensão da sonoridade do jazz produzido na Califórnia dos anos 50. Se o som da west-coast perdia em groove e pulso para o jazz feito na costa leste, sem nenhuma dúvida enriquecia-se com os arranjos sofisticados e complexos idealizados por seus muitos arranjadores, como: Bill, Shorty Rogers, Jack Montrose, André Previn, e um grande número de outros excelentes arranjadores fixados na Califórnia, muito em virtude do imenso campo de trabalho que os estúdios de cinema e televisão proporcionavam.

 

Bill Holman, montou sua própria orquestra em 1975 e escreveu para os mais diversos gêneros musicais durante toda sua longeva carreira. Está hoje com 83 anos de idade e ainda atuante.

 

Bill Holman (ts), Bob Gordon (bs), Herb Geller (as); Don Fagerquist (tp); Stu Williamson, Bob Enevoldsen (tb); Curtis Counce (b); Stan Levey (d).
Recorded May 4, 1954, Hollywood, CA
Recorded May 12, 1954, Hollywood, CA*

 

Bill Holman (ts), Bob Gordon (bs), Herb Geller (as), Stu Williamson, Nick Travis (tp); Stu Williamson, Bob Enevoldsen (tb); Max Bennett (b); Stan Levey (d).
Recorded August 2, 1954, Hollywood, CA**

 

1- On The Town*
2- Locomotion**
3- Jughaid**
4- Back To Minors*
5- Sparkle
6- Tanglefoot
7- Song Without Words
8- Awfully Busy

http://ouo.io/8kaAit

 

HotBeatJazz 10′ Series – Gerry Mulligan & Allen Eager – The New Sounds 10’LP PRLP 120 (1951)

O segundo 10 polegadas resultante da primeira sessão de Gerry Mulligan como líder saiu pela Prestige sob a co-liderança de Gerry e do saxofonista Allen Eager. Eager foi um direto seguidor dos cânones de Lester Young, linearidade no fraseado e um timbre macio e envolvente. Nascido em NYC em 10 de janeiro de 1927, foi um dos músicos da nova geração do bebop tendo atuado com seu próprio combo pela rua 52 entre 46 e 47, antes disto, atuou em importantes orquestras como as de Bobby Sherwood, Sonny Dunham, Shorty Sherock, Hal McIntyre, Woody Herman, Tommy Dorsey, e Johnny Bothwell. Em 48 tocou com Tadd Dameron e em 1951 trabalhava com Gerry Mulligan. Eager teve uma carreira irregular, tendo abandonado a cena musical por diversas vezes, a partir de 57 pouco se soube de Allen Eager. O próprio Eager cita a morte de CHarlie Parker e seu próprio envolvimento com drogas pesadas como motivo de sua ausência da cena. Nos anos 60 Eager se envolveu com o automibilismo, tendo se tornado piloto de competições, e manteve uma relaçao próxima com os experimentos de Timothy Leary e o uso do LSD. Em 1960 se aprsentou ao lado de Charles Mingus e em 70 com Frank Zappa. Nova retirada para somente ressurgir em 1982 e fazer tournés com Dizzy Gillespie. Eager veio a falecer em 2003.

 

Esta sessão de Gerry Mulligan e Allen Eager de certa forma repetia o modelo das gravações em noneto do ano anterior com Miles Davis para a Capitol, o Birth of the Cool. Aqui Mulligan mostra todo seu talento como compositor e arranjador em temas que seriam várias vezes revisitados durante sua carreira como: Funhouse, Bweebida Bobbida, Ide’s Side e Roundhouse.

 

Com este ítem somado ao do post anterior sobre Mulligan: Gerry Mulligan All Stars – 10’LP PRLP 141 (1951), completamos esta histórica data, a primeira de Gerry Mulligan como líder em um estúdio de gravação.

 

Jerry Lloyd, *Nick Travis (tp) *Ollie Wilson (tb) Allen Eager (ts) Max McElroy, Gerry Mulligan (bars) George Wallington (p) Phil Leshin (b) Walter Bolden (d) Gail Madden (maracas)
NYC, August 27, 1951

 

1- Roundhouse* (G. Mulligan)
2- Ide’s Side* (G. Mulligan)
3- Bweebida Bobbida* (G. Mulligan)
4- Kaper* (G. Mulligan)
5- Funhouse (G. Mulligan)
6- Mullenium (G. Mulligan)