RSS

Arquivo da categoria: tom harrell

Horace Silver – Silver’n Brass (1975)

Como pedido de amigo é ordem, faremos nosso amigo Carlos Braga, do fenomenal blog dedicado ao jazz latino “CB Latin Jazz Corner” – cujo link está ali ao lado na lista de blogs preferidos – matar a vontade de ouvir um de seus temas prediletos, “Barbara”, na interpretação do compositor, o imensurável Horace Silver. “Silver’n Brass” é o primeiro álbum do pianista/compositor em formato de medium band, orquestra esta que trazia seu habitual quinteto aumentado para média formação. O quinteto de Silver dos anos 70 revelou ao mundo do jazz alguns grandes solistas como o trompetista Tom Harrell, e o exímeo e saudoso saxofonista Bob Berg. Os arranjos foram feitos por Silver com o auxílio de Wade Marcus, que escreveu as partes para os metais. Nomes de peso compunham esta banda como os trompetistas Oscar Brashear e Bobby Bryant, o trombonista Frank Rosolino e os saxofonistas Jerome Richardson e Buddy Collette. “Silver’n Brass” foi o primeiro de uma série de álbuns nos quais Horace experimentou escrever para sonoridades diversas, completada com os antológicos “Silver ‘N Woods (Blue Note BN-LA 581-G)”, também de 1975; “Silver ‘N Voices (Blue Note BN-LA 708-G)”, de 1976; “Silver ‘N Percussion (Blue Note BN-LA 853-H)”, de 1977; e “Silver ‘N Strings Play The Music Of Spheres (Blue Note LWB 1033)”, de 1978.
Música de altíssimo nível em uma atmosfera não comum a este mestre do hardbop e do piano-funky-style.
Tom Harrell (tp) Bob Berg (ts) Horace Silver (p) Ron Carter (b) Al Foster (d) Oscar Brashear, Bobby Bryant (tp, flh) Vince DeRosa (frh) Frank Rosolino (tb) Maurice Spears (btb) Jerome Richardson (as, ss, fl) Buddy Collette (as, fl) Wade Marcus (arr)
A&R Studios, NYC & Wally Heider Sound Studio III, Los Angeles, CA, January 10, 1975
*Bob Cranshaw (el-b) Bernard Purdie (d) replaces Carter, Foster
A&R Studios, NYC & Wally Heider Sound Studio III, Los Angeles, CA, January 17, 1975
1- Kissin’ Cousins*
2- Barbara
3- Dameron’s dance
4- The Sophisticated Hippie*
5- Adjustment
6- Mysticism
 

Dizzy Gillespie Meets The Phil Woods Quintet (1986)

O título do CD já diz tudo. Não há nada a acrescentar sobre os músicos envolvidos nesta sessão que já não seja do conhecimento dos leitores. Vale chamar a atenção para a oportunidade rara de ouvir duas escolas de trompete distintas, Dizzy, o pai do trompete bebop e Tom Harrell, um músico que trabalha na vertente do inesquecível Clifford Brown, o pai do trompete hardbop. O quinteto de Phil Woods foi, na década de oitenta, o arrebatador da maioria das votações em revistas especializadas como o melhor combo de jazz do período. Hal Galper e seu piano bluesy-soul, a segura cozinha Steve Gilmore e Bill Goodwin, dão aos gênios Dizzy e Phil o suporte ideal para esse encontro histórico ocorrido em um estúdio da Holanda em 1986. A leitura de “Round Midnight” é simplismente de arrepiar todos os pelos. Não perca mais tempo lendo este escriba, envolva-se em um dos momentos mágicos do jazz!
Dizzy Gillespie (tp); Phil Woods (as); Tom Harrell (tp, flg); Hal Galper (p); Steve Gilmore (b); Bill Goodwin (d)
Recorded at Studio 44, Monster, Holland, December, 14, 1986.
1- Oon-ga-wa (D. Gillespie)
2- Loose Change (H. Galper)
3- Whasidishean (D. Gillespie)
4- Round Midnight (T. Monk)
5- Love For Sale (C. Porter)
6- Terrestris (T. Harrell)
 

Phil Woods Quintet Plus One – Flash (1989)

“Flash”, com o quinteto do saxofonista e clarinetista Phil Woods, gravado em Abril de 1989, traz a participação do trombonista Hal Crook nas quatro últimas faixas. Um magnífico álbum de straight-ahead jazz com destaque para as composições do trompetista Tom Harrell, diretor musical do combo e para um tema do pianista Hal Galper, ex-sexteto de Cannonbal Adderley. Imperdível!
Phil Woods (as, clarinete); Tom Harrell (tp, fh); Hal Galper (p); Steve Gilmore (b); Bill Goodwin (d); Hal Crook (tb). April, 1989.
1- Journey to Center (T. Harrell)
2- Weaver (T. Harrell)
3- Autumn Nocturne (Josef Myrow – Kim Gannon)
4- Rado (T. Harrell)
5- Dr. Dunk (H. Galper)
6- Flash (Tom Garvin)
7- Bradley’s Revenge (Tom Garvin)
8- Misirlou (Nicholas Roubanis)
9- Ebullition (Tom Garvin)

 
 

Phil Woods Quintet – Willow Weep For Me (1988)

Um dos mais premiados combos dos anos 80.

Phil Woods (as); Tom Harrell (tp); Hal Galper (p); Steve Gilmore (b); Bill Goodwin (d)

 
1 comentário

Publicado por em 19 de fevereiro de 2009 em Bill Goodwin, hal galper, phil woods, Steve Gilmore, tom harrell

 

Tom Harrell – Play of Light (1982)

O trompetista Tom Harrell nasceu em 1946 na cidade de Urbana, no Illinois e começou a tocar aos 8 anos de idade. Em 1969 graduou-se na Stanford University e foi incorporado a orquestra de Stan Kenton, no ano seguinte mudou para a organização de Woody Herman onde permaneceu até 1971. Conseguiu uma maior projeção ao se juntar ao quinteto do célebre pianista Horace Silver em 1973, onde permaneceria por cinco anos. A partir de então trabalharia com inúmeros astros do jazz como Lee Konitz, George Russell, Mel Lewis, Charlie Haden, Bill Evans e Dizzy Gillespie entre outros. Na década de 80 seria integrante fundamental no quinteto do saxofonista Phil Woods, grupo que seria premiado várias vezes pelo reader’s poll da revista especializada Down Beat. Harrell permaneceu no grupo até 89, quando partiu para uma bem sucedida carreira como líder de grupo.
“Play of Light” é seu segundo trabalho gravado como solista principal. A formação traz um sexteto com destaque para o saxofonista Ricky Ford, o guitarrista Bruce Forman e o pianista Albert Dailey como solistas. A cozinha é de altíssimo nível, com os veteranos Eddie Gomez no contrabaixo e Billy Hart na bateria. Tom Harrel além de um virtuose no trompete é também um compositor de excelência, como pode ser conferido na faixa título com tintas de hardbop e no instigante bop “Blue News”. O intérprete especial fica evidente na pungente balada “Everything Happens To Me”, onde Harrel paga seu tributo ao mestre de todos, Clifford Brown. Tom Harrell continua em plena atividade, gravando e se apresentando por todo o mundo, tendo se convertido em um dos grandes do jazz na atualidade.
Tom Harrell: trumpet; Ricky Ford: tenor sax; Bruce Forman: guitar; Albert Dailey: piano; Eddie Gomez: bass; Billy Hart: drums
1. Play of light
2. Everything happens to me
3. The boulevard
4. Mood swings
5. Blue news
6. Where you were